Portal IFNMG - Apresentação Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Apresentação

Publicado: Segunda, 23 de Julho de 2012, 11h17 | Última atualização em Segunda, 23 de Julho de 2012, 11h17

A Extensão no IFNMG é um processo educativo que articula o ensino, em todos os níveis e modalidades da educação profissional e tecnológica, e a pesquisa aplicada de forma indissociável e que viabiliza a relação entre o Instituto e a comunidade externa e/ou interna, por meio das dimensões da Extensão.

Dimensões da Extensão

São consideradas como atividades de extensão as ações que envolvem as dimensões relativas à comunidade externa e à comunidade interna:

1. Projetos sociais;
2. Projetos culturais, artísticos e esportivos;
3. Projetos tecnológicos;
4.Cursos FIC-Formação Inicial e Continuada (cursos de Extensão);
5. Eventos de Extensão;
6. Serviços tecnológicos;
7. Acompanhamento de egressos;
8. Estágio e emprego;
9. Visitas técnicas e gerenciais;
10. Empreendedorismo;
11. Assistência estudantil.

Diretrizes da Extensão

• Contribuir para o desenvolvimento da sociedade, constituindo um vínculo que estabeleça troca de saberes, conhecimentos e experiências para a constante avaliação e vitalização da pesquisa e do ensino;
• promover e fortalecer as relações entre os campi do IFNMG;
• promover ações sociais;
• estimular a cultura;
• apoiar atividades de pesquisa, desenvolvimento e inovação no âmbito do IFNMG;
• incentivar e apoiar  eventos desportivos para as comunidades externas e internas do IFNMG;
• ofertar cursos de qualificação profissional (Cursos de Formação Inicial e Continuada – FIC/Cursos de Extensão) para a comunidade externa e interna;
• promover eventos de extensão para a comunidade externa e interna do IFNMG;
• prestar assistência técnica e consultorias para o mundo produtivo;
• prospectar e divulgar estágio para  discentes e divulgar vagas de emprego para  egressos;
• contribuir com o desenvolvimento dos empreendimentos locais e regionais (rurais e urbanos);
• sistematizar visitas técnicas e gerenciais de alunos e professores a empresas/instituições;
• participar em conjunto com os campi do processo de definição da política de apoio estudantil nas áreas educacional, social e da saúde;
• estimular o uso dos recursos naturais de forma responsável;
• manter e buscar novas parcerias com instituições públicas, organizações não governamentais, entidades do Sistema S e empresas privadas para uma atuação conjunta, no sentido de desenvolver ações extensionistas;
• articular políticas públicas que oportunizem o acesso à educação profissional estabelecendo mecanismos de inclusão;
• captar recursos, tanto na área pública quanto na área privada.

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página

CNPqcarta ao cidadaoPeriodicosPortal da TransparênciaSiape.netMelhores Práticas