Portal IFNMG - Em visita ao Brasil, representante da França afirma que quer ampliar as ações de internacionalização com o IFNMG Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Em visita ao Brasil, representante da França afirma que quer ampliar as ações de internacionalização com o IFNMG

Publicado: Terça, 06 de Fevereiro de 2018, 20h16 | Última atualização em Quarta, 07 de Fevereiro de 2018, 15h10

A representante do Conselho Regional da França, Karine Motte, esteve no Brasil e conheceu, além das cidades de Montes Claros e Januária, o IFNMG-Campus Januária, onde os intercambistas franceses Antoine Kuhn e Marie Parmentier estão instalados desde o fim do ano passado. O objetivo da visita foi, de fato, fazer uma vistoria dos trabalhos em que os intercambistas estão envolvidos.

O resultado não poderia ser melhor. Karine Motte se surpreendeu com as atividades que estão sendo desenvolvidas pela dupla de franceses. Eles estão atuando como voluntários em um asilo de Januária e na comunidade do Peruaçu, além de estarem desenvolvendo pesquisas nos laboratórios do campus.

“Fazemos trabalhos agrícolas junto à comunidade, como ajudar na plantação de cana de açúcar e em laboratórios para verificar as diferenças agrícolas do Brasil em relação à França. O trabalho está muito bom”, disse o intercambista, que ainda garantiu que a experiência no Brasil vai servir para conquistar oportunidades de trabalho na Europa. Marie, nitidamente, está com a mesma empolgação do colega. “Desde dezembro, estamos aqui para ajudar as pessoas, inclusive no asilo, e também na comunidade do Peruaçu, por meio de práticas de reflorestamento”, afirmou Marie.

E tem um detalhe bastante importante. As entrevistas foram concedidas em português. Marie até estudou um pouquinho de português antes de vir para cá. Dois meses de aula. Antoine não. Ele aprendeu aqui.

Ampliar os horizontes

Para Karine Motte, a experiência vivida pelos intercambistas reflete o espírito do Programa Serviço Cívico, cujo objetivo é promover a integração social. “Nossa meta é a mobilidade acadêmica. Temos o interesse de concretizar essa mobilidade para os jovens franceses, já que muitos, por exemplo, moram a uma hora de Paris e nunca conheceram a capital francesa”.

O IFNMG não pensa diferente. Durante reunião realizada na Reitoria no dia 1º de fevereiro, em Montes Claros, o reitor José Ricardo Martins da Silva enfatizou que, embora a sociedade brasileira esteja vivenciando um período crítico, o IFNMG está de portas abertas para receber mais intercambistas. O reitor ainda salientou que a presença dos franceses na região Norte, Noroeste e Nordeste de Minas contribui para que todos os olhares se voltem para uma região ainda carente de grandes investimentos. “É preciso ter um olhar diferenciado para Minas Gerais, especificamente para o Norte, Noroeste e Nordeste de Minas . Nós, enquanto instituição, queremos ser um elo em prol da transformação social. E nosso sonho é ter muitos intercambistas estrangeiros aqui no Instituto e também ter nossos alunos realizando intercâmbios em outros países”, defendeu.

O assessor de Relações Internacionais do Instituto, Lauro Sérgio Pereira, que também participou da reunião, destacou que é exatamente assim que a internacionalização se materializa. “Não podemos falar em educação, ciência, cultura, inovação ou política, sem falar em internacionalização. Se a gente pensa em administrar uma instituição, é preciso pensar na perspectiva de internacionalização como o Instituto está fazendo. Estamos no caminho certo”, concluiu.

Participaram da reunião o diretor executivo André Luis Rabelo Cardoso; a servidora responsável pela mobilidade acadêmica no Instituto, Roberta Silva Santos; a pró-reitora de Extensão, Araci Magalhães; o diretor de Educação a Distância, Antônio Carlos Soares Martins; o servidor responsável pelas Relações Internacionais do Governo de Minas Gerais, Hugo Salomão França; a bolsista da Fapemig que atua na Assessoria de Relações Internacionais do IFNMG, Gabriella Fonseca Dias; a professora Tatiana Tozzi Martins Souza Rodrigues, que está sendo a responsável pela estada dos intercambistas; o diretor da Diretoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação, Vico Mendes Pereira Lima; o diretor da Diretoria de Gestão de Pessoas, Rafael Farias Gonçalves, e outros servidores do IFNMG.

 Reunião na Reitoria do IFNMG

 

Fim do conteúdo da página